Parlamentares federais e distritais fazem visita à reitoria da Universidade de Brasília (UnB), nesta terça-feira (7), a partir das 12h, para prestar solidariedade à instituição. A reunião, organizada pelo gabinete da deputada  Erika Kokay (PT-DF), contará com a participação do presidente daComissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, deputado  Helder Salomão (PT-ES), e com a presidente da Frente Parlamentar pela Valorização das Universidades Federais e ex-reitora da Universidade Federal de Juiz de Fora deputada Margarida Salomão (PT-MG).

O ato ocorre em meio a uma grande mobilização nacional em defesa das universidades públicas brasileiras, após anúncio do governo federal de cortes de cerca de 30% no repasse dos recursos para as instituições.  A Universidade de Brasília foi umas das primeiras atingidas, junto com a Universidade Federal Fluminense (UFF) e a Universidade Federa da Bahia (UFBA), sob alegação do ministro da Educação, Abraham Weintraub, que estavam fazendo “balbúrdia” ao invés de melhorar o desempenho científico e acadêmico.

A UnB é considerada uma das melhores universidades do Brasil. Em 2018, ficou em 8º lugar no ranking da Times Higher Education (THE), subindo 3 posições em relação ao ano anterior. A THE é uma consultoria britânica especializada em avaliações sobre ensino superior em todo o mundo. O grupo de parlamentares primeiro participa de abraço a UnB e posteriormente serão recebidos pela reitora, Márcia Abrahão.

Participam, também, a deputada  Maria do Rosário (PT-RS) João Daniel (PT-SE) Alencar Santana (PT-SP), Fernanda Melchiona (PSOL-RS), Celina Leão (PP-DF), Flávia Arruda (PR-DF), o senador José Antônio Reguffe (sem partido-DF), a deputada distrital Arlete Sampaio (PT) e os deputados distritais Chico Vigilante (PT) e Fábio Félix (PSOL).

Serviço:

12h: Abrace UnB – Local: Biblioteca da UnB

13h: Visita de solidariedade à reitoria da UnB – Local: Reitoria da UnB

Por Assessoria de Comunicação

Ler 83 vezes

Partido dos Trabalhadores

O Partido dos Trabalhadores surgiu como agente promotor de mudanças na vida de trabalhadores e trabalhadoras das cidades e dos campos, militantes de esquerda, intelectuais e artistas.

Foi oficializado partido político em 10 de fevereiro de 1980. O PT integra um dos maiores e mais importantes movimentos de esquerda da América Latina. Confira nossas redes sociais

 
 
 
 
 

Seja Companheiro!

Cadastre-se Online

Top