Luiz Marinho, candidato do PT ao governo de São Paulo, criticou nesta quarta-feira (8/8) as sucessivas gestões do PSDB no estado e responsabilizou os tucanos pela situação de paralisia e sucateamento da máquina pública.

“Temos viajado por todas as regiões do estado e o que estamos percebendo é a ausência de projetos por parte do governo paulista para resolver as demandas existentes. Falta vontade de fazer e vontade de resolver. Talvez pela ferrugem do tempo – já se passaram 24 anos que eles estão no poder – ou pelo emaranhado de compromissos dos tucanos no setor privado, isso levou a uma paralisia do estado de São Paulo. Nós vamos ter que dar uma chacoalhada para retomar os investimentos e ações que os paulistas esperam do governador”, afirmou.

Marinho esteve nesta quarta-feira na região do Butantã, na capital paulista. Ele visitou a comunidade São Remo, onde percorreu o comércio e participou de uma reunião com moradores. Também esteve no Jardim Jaqueline e participou de entrevista para a rádio Comunitária Cidadã.

Ainda nesta quarta-feira à Marinho participaria de debate na PUC-SP.

 

Ler 453 vezes

Partido dos Trabalhadores

O Partido dos Trabalhadores surgiu como agente promotor de mudanças na vida de trabalhadores e trabalhadoras das cidades e dos campos, militantes de esquerda, intelectuais e artistas.

Foi oficializado partido político em 10 de fevereiro de 1980. O PT integra um dos maiores e mais importantes movimentos de esquerda da América Latina. Confira nossas redes sociais

 
 
 
 
 

Seja Companheiro!

Cadastre-se Online

Top